Adolescentes hackeiam caixa com instruções na internet

Dois adolescentes canadenses de 14 anos invadiram um caixa eletrônico do Banco de Montreal. Não, não são dois gênios precoces da informática com planos mirabolantes de roubar uma fortuna.

Matthew Hewlett e Caleb Turon, ambos na nona série, encontraram o manual de instruções da máquina na internet e descobriram como era fácil controlar uma delas. Eles decidiram testar o conhecimento recém adquirido e, na hora do almoço da escola, foram até o primeiro caixa eletrônico que encontraram para ver se conseguiriam quebrar a segurança.

Seguindo as instruções do manual, Hewlett e Turon viram que era necessário apenas uma senha para entrar no modo de operador do caixa eletrônico. Eles experimentaram uma senha comum de seis dígitos (123456?) e ganharam controle da máquina na primeira tentativa.

Os dois foram até o Banco de Montreal e avisaram a gerência de que haviam hackeado o caixa eletrônico, mas não foram levados à sério. O gerente falou que aquilo não era possível e eles não tinham provas.

Os dois então perguntaram se não havia problema em conseguir uma prova e voltaram com ela.

Muitas provas na verdade. Os adolescentes imprimiram relatórios com a quantidade de dinheiro disponível na máquina, quantos saques haviam sido feitos naquele dia e foram capazes até mesmo de alterar valores.

Como cereja do bolo eles mudaram a mensagem na tela inicial para “Vá embora. Esse caixa eletrônico foi hackeado”.

Dessa vez o gerente se convenceu e entrou imediatamente em contato como encarregado da segurança.

Pelo menos a história acabou bem, ao contrário de outros casos onde o mensageiro é morto. O gerente escreveu uma carta para a escola justificando o atraso dos dois.

Via:  mundobit.com